.: Projeto Ecopedagógico






Projeto Ecopedagógico


Há pouco tempo, a chamada Educação Ambiental concentrava seus esforços na conservação e preservação do meio ambiente, este último visto como a base física, na qual funcionavam as sociedades, suas economias, suas culturas. Em 1987, entretanto, a educação ambiental viu-se obrigada a ampliar sua finalidade e sua abrangência para incorporar um novo conceito – a sustentabilidade.

A sustentabilidade foi inicialmente conceituada pela Comissão Brundthand (1987) como “a satisfação das necessidades da presente geração sem comprometer a satisfação das necessidades das futuras gerações.” Posteriormente, este conceito foi ampliado e enriquecido, culminando em uma nova concepção do próprio processo de desenvolvimento: “O Desenvolvimento Sustentável”.

Na educação cristã, o conceito de desenvolvimento sustentável é inseparável do desenvolvimento humanista, isto é, do próprio ser humano.

Assim, a dimensão ecológica da educação tem a missão de substituir a mentalidade instrumental, utilitarista e predadora no uso da natureza por uma cultura de respeito e cuidado.

O ensino-aprendizagem da dimensão ecológica da educação evidentemente não pode consistir na mera transmissão de conteúdos nem na implantação condutista de comportamentos desejados. O caráter dialético e integrado da matéria a ser aprendida e vivida, exige uma pedagogia que parta da observação de realidades específicas, em toda a sua complexidade e em todo o seu dinamismo. Mas, além disso, a pedagogia deve possuir a capacidade de envolver emocionalmente, e não apenas racionalmente o aluno, para facilitar a transformação de sua mentalidade e o desenvolvimento de uma visão aberta, flexível e integrada. Daí a necessidade de se aproveitar as situações naturais de aprendizagem junto à natureza e à vida social, complementando-as com conteúdos relevantes através de leituras e atividades diferenciadas.

O Colégio dos Santos Anjos, através do projeto ecopedagógico, pretende desenvolver uma consciência crítica sobre as questões ambientais, aproveitando as potencialidades do Recanto Nazaré, no Rio da Prata, estação ecológica instalada dentro da Mata Atlântica.

Os alunos e professores têm a sua disposição uma área de mais de 100 mil metros quadrados de natureza, uma casa de encontros, quiosques, cozinha, animais, bosques e a paisagem da Mata Atlântica complementam o ambiente natural localizado há pouco mais de 15 quilômetros da sede do Colégio.

Sentindo-se parte integrante do ambiente, a criança, desde a Educação Infantil ao Ensino Médio, tem contato direto com a terra, os animais, as plantas e a oportunidade de socialização com os colegas e de vivenciar a dimensão social da preservação ambiental, reconhecendo-se responsável pelo desenvolvimento auto-sustentável, como alternativa para garantir a melhor qualidade de vida para o ser humano.

Topo

Objetivo Geral


Educar para a consciência ecológica e para a ação da cidadania, restabelecendo as relações harmoniosas com a natureza e com o meio ambiente, em busca de uma Terra sem Males, para a construção de uma sociedade justa, fraterna e sustentável.


Topo

Objetivos Específicos


  • Formar uma consciência crítica sobre a atuação do ser humano no ambiente, desenvolvendo atitudes de respeito, responsabilidade e afetividade em relação à natureza;
  • Promover estudos e informações sobre a sustentabilidade ecológica, favorecendo a troca e a aplicação dos conhecimentos adquiridos;
  • Sentir prazer em participar ativamente do processo de observar, experimentar, cuidar e aprender junto à natureza, como sujeito ecológico responsável;
  • Transformar o Recanto Nazaré num espaço privilegiado para o exercício da prática ecológica e um lugar de formação de valores que engajem alunos e professores na construção de um mundo melhor.

Topo

Estratégias


  • Projetos interdisciplinares;
  • Passeios ecológicos – com paradas didáticas de observação, que servirão de base para produções textuais, produções artísticas e produções científicas;
  • Trilha ecológica – com identificação de espécies e posterior pesquisa sobre uma ou duas espécies para apropriação de novo saber;
  • Atividades recreativas e de confraternização, sempre com o cuidado de preservar a natureza e fortalecer os laços de amizades sadias: caça ao tesouro, exploradores do elo perdido, visita ao pomar para colher frutas diretamente do pé;
  • Plantação da horta e cultivo de plantas medicinais;
  • Observação e pesquisa das plantas nativas;
  • Contato com animais domésticos;
  • Observação e pesquisa da flora e da fauna da Mata Atlântica – Fauna: aves, invertebrados, mamíferos, répteis. Flora: bromélias, orquídeas, palmitos, árvores, arbustos, trepadeiras, cipós;
  • Dias de formação.

Topo


Orientações Metodológicas


O ensino para o meio ambiente é fundamentalmente uma pedagogia de ação, ou seja, não basta apenas transmitir conhecimentos, é necessário estimular e mobilizar os alunos a fim de buscar soluções reais para os problemas ambientais do seu meio. Assim, nada mais educativo do que uma aula de campo no Recanto Nazaré, ambiente propício para os alunos se sensibilizarem melhor, em contato direto com a Mata Atlântica, sobre as interferências humanas no meio ambiente.

O ponto de partida para esse trabalho, no Recanto, pressupõe uma atitude de observação e interpretação do ambiente, a partir de situações contextualizadas e problematizadas.

O trabalho tem como base proporcionar situações de aprendizagem que valorizem as vivências dos alunos e desenvolvam atitudes de cuidado, respeito pela vida e a busca de soluções para os problemas ambientais.

As atividades no Recanto Nazaré iniciam dentro da sala de aula com o planejamento, a sensibilização e motivação dos alunos e podem ser apropriadas pelas diversas disciplinas: História, Geografia, Ciências, Artes, Matemática, Educação Física, Ensino Religioso, Português e Filosofia.

Topo


Copyright - 2008-2012 - Colégio dos Santos Anjos - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por: Rodrigo